Desde o início da pandemia do novo Coronavírus, a maioria dos estabelecimentos estão fechados ou vazios pela queda no movimento. Os restaurantes não ficam de fora dessa lista. Por conta disso, eles terão que aprender, o mais rápido possível, a driblar e gerenciar crises.

As consequências podem ser muito piores do que um mês com baixo faturamento. Empregos podem acabar e, até mesmo, o estabelecimento ter que fechar as portas, se a situação não for controlada a tempo. Leia mais sobre gestão e inovação para bares e restaurantes!

Alternativa para não perder clientes e manter boas vendas

Muitos restaurantes têm optado por adicionar o delivery (ou entrega em domicílio), para ir na contramão da crise e continuar a vender. Essa é uma boa forma de manter as contas em dia e não prejudicar o fluxo de caixa do negócio.

No entanto, incrementar essa prática do dia a dia de um bar ou restaurante acostumado a receber clientes não é tarefa tão simples. Portanto, antes de começar, é preciso se certificar de três itens:

1) Tenho como entregar o que eu prometo: para atrair clientela nova, é preciso ser fiel ao que se apresenta. Portanto, capriche no produto que será entregue e não minta!

2) O meu produto tem qualidade: a lógica é simples… se o cliente gosta, provavelmente ele pedirá novamente. Caso contrário, ele buscará outra opção. Por isso é importante investir em qualidade e sabor!

3) A minha entrega será rápida: esperar nunca é legal. Para que isso não aconteça com os seus consumidores, pense em como agilizar as suas entregas.

Além disso, não esqueça de pensar no custo de abrir um delivery! Controle todos os gastos, como embalagens e gasolina, por exemplo, para não ter uma surpresa negativa.

Uma mão lava a outra

No cenário ideal, não precisaríamos contar com a ajuda de ninguém para manter o nosso negócio funcionando a todo vapor. Mas em tempos de pandemia, é necessário ter uma rede de apoio. Restaurantes e bares devem contar com o auxílio do governo, uma vez que fazem parte do setor que mais emprega no país.

Reivindicar facilidade de crédito e diminuição de cobranças como os impostos, pode salvar o ganha pão de milhares de funcionários.

No entanto, poucas medidas foram implementadas e, por isso, empresários têm que se virar para minimizar os impactos dessa crise.

Uma das possibilidades é vender ou negociar as matérias-primas que ficaram estocadas no estabelecimento, a fim de que não estraguem ou para não ter mais prejuízo. Clientes, mercados e pequenos empresários podem aderir a ideia e formar uma rede de apoio nesse momento.

Quando restaurantes fecham ou passam por crises financeiras, pequenos produtores e agricultores, por exemplo, também sentem o impacto. Um forma muito interessante de ajudá-los é ligar uma ponta a outra. Dessa forma, clientes podem comprar diretamente com quem produz e o empresário ainda mantém firme o seu fornecedor.

Se você se interessou pelo assunto ou quer saber mais sobre gestão de restaurantes, ainda mais em tempos de crise, acesse nossa página e saiba mais sobre o nosso trabalho!

0 CommentsComentários fechados

Leave a comment

DeliveryVIP © Copyright 2022. Todos direitos reservados.